UM MERCADO EM ASCENSÃO: PRODUTOS VEGANOS

Nas últimas duas décadas, o crescimento do mercado vegano tem aumentado muito, principalmente devido à maior procura dos consumidores, que adotaram um estilo de vida parcialmente ou totalmente dedicado ao veganismo. Tal fato está relacionado a diversos motivos, que vão de socioeconômicos e ecológicos, às questões ambientais. Esse crescimento exponencial tem ocorrido em duas principais áreas, a de cosméticos e a alimentícia, com produtos de origem vegetal cada vez mais requintados e com qualidade superior. Dentre os vários motivos da adoção do veganismo, destaca-se:

  • Qualidade de vida animal

O que mais preocupa a sociedade contemporânea e incentiva a adoção do veganismo, e não de outros estilos de vida, como o vegetarianismo, é a questão da qualidade de vida animal, além de sua criação em cativeiro e preparo para abate (ao se preparar para vender sua carne, e não seus produtos). 

Esse estilo de criação massivo de animais produtores e de corte tem causado cada vez mais discussões no cenário mundial e a adesão do veganismo, já que o vegetarianismo e suas ramificações não previnem tal problema, pois por mais que os animais não sejam consumidos, ainda são criados para a coleta de seus produtos, como leite, ovos e afins. 

  • Questões ambientais 

Principalmente no Centro-Oeste e Norte brasileiro, já que o desmatamento ocorre em massa para o cultivo de gado, suínos, etc, destruindo a flora e a fauna local, o que acarreta em um desequilíbrio do ecossistema nacional.

  • Saúde

A saúde do consumidor, visto que a alimentação a base de carnes tradicional é rica em gorduras, o que pode acarretar em problemas de saúde futuramente se consumido em excesso. Tal problema, é muito menos frequente no meio vegano.

Com todos esses motivos, a ascensão do mercado vegano vem crescendo muito no Brasil, visto que houve um crescimento de 75% da quantidade de veganos desde 2012 no território nacional. Porém, um problema que preocupa tal mercado é o da contaminação cruzada, que configura-se no fato de produtos de origem animal serem utilizados no mesmo meio de produção da mercadoria vegana, seja em sua forma de preparo na cozinha ou dentro da indústria. 

Entretanto, com maior adesão do estilo de vida vegano, tende-se a aumentar a rigidez relacionada ao preparo de tais produtos, tanto em pontos alimentícios, quanto nas fábricas e, assim, diminuir o risco da contaminação cruzada. Com isso, além de aumentar a qualidade dos produtos, populariza-se ainda mais tal cultura dentro da sociedade e do mercado brasileiro, já que a entrega de produtos de maior qualidade proporcionará maior divulgação dos mesmos e, por consequência, haverá o aumento do consumo.
Como um todo, o mercado vegano vem se tornando cada vez um nicho independente e mais conhecido, crescendo muito nos últimos anos e com expectativa de dobrar de tamanho até 2026, como apontam pesquisas realizadas pela Allied Market Research. Ademais, é notório que as empresas e estabelecimentos têm se proposto a entregar um produto com mais qualidade para seus consumidores adeptos do veganismo.

Se você gostou desse conteúdo, confira outros temas similares em nosso blog.

Um comentário em “UM MERCADO EM ASCENSÃO: PRODUTOS VEGANOS

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: